Jeff Giassi domina etapa em Silverstone com duas vitórias e volta ao topo da Porsche Esports Carrera Cup

Repetindo o desempenho de Barcelona, onde largou da pole e venceu as duas provas, Giassi reassume a liderança do campeonato e vai para a última etapa em vantagem

Confira a transmissão completa da prova aqui:
https://www.youtube.com/watch?v=ZKzvyMcX3vk

A quinta etapa do Porsche Esports Carrera Cup teve nome e sobrenome: Jeff Giassi. O representante brasileiro no mundial de automobilismo virtual da Porsche conseguiu novamente a etapa perfeita. Assim como fez em Barcelona na terceira etapa, Giassi marcou a pole-position, venceu a primeira bateria e saiu da 10ª posição para vencer a segunda bateria da noite.

Na primeira largada, Eduardo Borgert, então líder do campeonato, e Luiz Felipe Tavares bem que tentaram fazer frente ao atual campeão do Carrera Cup, mas viram Giassi vencer a prova com diferença superior a 5s.

Com a inversão do grid para a segunda bateria, Giassi largou da 10ª posição e, junto com Tavares, foi escalando o pelotão até figurar na terceira posição. Além de talento, um pouco de sorte sempre faz bem, e Jeff contou com ela para assumir a liderança da bateria após toque entre Tavares e o então líder da bateria, Bruno do Carmo.

Com as duas vitórias em Silverstone, Giassi reassumiu a liderança do campeonato com 282 pontos, sendo 80 deles conquistados durante essa etapa. Eduardo Borgert caiu para a segunda posição com 261 e Gustavo Ariel ficou em terceiro com 250 pontos.

Antes de conhecermos o grande campeão da Carrera Cup 2020, em Monza, Silverstone recebe também a quinta etapa da Sprint Challenge na próxima quarta-feira (26/08) às 21h.

O Porsche Esports Program Brasil é uma iniciativa da Porsche Brasil em conjunto com a Porsche Cup Brasil, com patrocínio da TAG Heuer e parceria técnica com o IRB e-Sports.


Largada da primeira bateria em Silverstone

As corridas:

Mais uma vez na Porsche Esports Carrera Cup Jeff Giassi vai sair da posição de honra para a primeira bateria da noite.

Apagam-se as luzes e é dada a largada para a penúltima etapa da temporada. Jeff Giassi sustenta a primeira posição. Seus concorrentes mais próximos também largam bem. Eduardo Borgert e Luiz Felipe Tavares também mantiveram suas posições. O quarto colocado no quali, Erick Goldner se envolveu em um toque na primeira curva. O piloto da Shell caiu diversas posições e agora aparece na 14ª posição.

O início de prova foi movimentado. Dentro dos dois primeiros giros os pilotos foram pra cima e diversos se viram de frente para o pelotão após rodarem. Bruno Risseto e Rodrigo Baronio ganharam quatro posições cada no princípio da prova e já apareciam em quarto e quinto respectivamente.

No topo do pelotão, Giassi já sustentava vantagem de mais de 1s para Borgert. Luiz Felipe Tavares, Risseto e Baronio completavam o top5 com os cinco minutos iniciais já disputados.

Risseto e Baronio disputavam a quarta posição na quarta volta. Quem se beneficiou da disputa entre ambos foi Gustavo Ariel que se aproximou da disputa.
Ariel chegou de vez na disputa pela quarta posição da prova. Os três líderes já haviam aberto vantagem considerável da disputa.

Erick Goldner recebeu um drive thru por conta de toque na primeira curva da corrida. A punição atrapalhou ainda mais as ambições do piloto da Shell.

Luiz Felipe Tavares arriscou a manobra e assumiu a vice-liderança da prova. Agora o representante virtual do carro LEGO correria para tirar a vantagem do líder Giassi.


Eduardo Borgert e Luiz Felipe Tavares disputam a segunda posição na bateria 1.

Com menos de 10 minutos para o fim da primeira etapa, Jeff Giassi sustentava de forma segura sua liderança. O representante brasileiro no mundial de AV da Porsche tinha mais de 5s de vantagem para Tavares.

Eduardo Borgert tentava recuperar sua posição de largada contra Tavares nos cinco minutos finais. O piloto procurava o melhor momento para o mergulho.
O duelo entre Borgert e Tavares era o grande destaque dos momentos finais da bateria. Borgert recuperou a posição após erro de Tavares.

No giro final, Risseto, Baronio e Ariel ainda brigavam pela quarta posição. A diferença entre eles era mínima, qualquer um poderia sair da prova na frente.

Quinta vitória de Jeff Giassi no Porsche Esports Carrera Cup. O dono do carro #7 fez o Grand Chelem na primeira bateria da rodada. Completaram o top5 Eduardo Borgert, Luiz Felipe Tavares, Bruno Risseto e Rodrigo Baronio.


Bruno Risseto fez mais uma grande apresentação em Silverstone, seguido de Baronio e Ariel.

Com a inversão das 10 primeiras posições do grid, Matheus Machado largaria da primeira posição para a segunda bateria.

Largada para a segunda bateria e Bruno do Carmo assumiu a liderança da prova. Então líder, Matheus Machado, largou mal e perdeu duas posições. Outro que largou mal foi Eduardo Borgert. O segundo colocado na bateria inicial perdeu quatro posições.


Largada da segunda bateria com Matheus Machado e Bruno do Carmo na frente.

Confusão na parte final do grid. Dois carros capotados e Erick Goldner escapou por milímetros de prejudicar sua corrida de recuperação. Luiz Felipe Tavares, que largou de oitavo já era o quarto colocado antes dos cinco primeiros minutos serem completados.

O top5 daquele momento era: Bruno do Carmo, Edson Coelho, Luis Tavares, Jeff Giassi e Gustavo Ariel.

Coelho perde a segunda posição para Tavares e Giassi. O piloto errou na freada e viu dois concorrentes assumirem sua posição. Gustavo Ariel também aproveitou a falha e jogou Coelho para a quinta posição. Eduardo Borgert, que começou a etapa como líder do campeonato não vinha tendo vida fácil na segunda bateria. Ele figurava apenas na 9ª posição.

Logo após assumir a nona colocação, Eduardo Borgert sofreu um toque que tirou o piloto da pista e complicou ainda mais sua bateria. Erick Goldner, que largou da 19ª posição, já aparecia dentro do top10. Carmo, Tavares e Giassi disputavam a liderança da prova com muita proximidade entre eles.

Metade da bateria já havia sido disputada e a diferença entre Carmo e Giassi, líder e terceiro colocado, era de menos de 1s. Tavares mergulhou pela liderança, mas ele e Bruno do Carmo se tocaram e viram Jeff Giassi assumir a liderança da bateria.


Em grande momento da segunda bateria, Do Carmo defende a liderança contra Tavares e Giassi.

Por conta do toque em Bruno do Carmo, Tavares foi penalizado com drive thru. Com o carro claramente avariado, Bruno do Carmo sustentava com unhas e dentes a posição. Última volta e Jeff Giassi tinha 7s de vantagem. A disputa da prova era entre Gustavo Ariel e Bruno do Carmo.

No ataque de Ariel, Bruno do Carmo foi tocado no porta com porta e viu suas chances de pódio escaparem na última volta.

Foi a segunda vez que Jeff Giassi gabaritou a etapa fazendo pole-position, voltas mais rápidas e vencendo as duas etapas do campeonato. Gustavo Ariel e Edson Coelho completaram o pódio da segunda etapa.

Ao final da prova, Ariel foi punido e Edson Coelho ficou com a segunda posição, Baronio foi terceiro.


Com punição a Gustavo Ariel, Edson Coelho e Rodrigo Baronio herdaram posições.

O que eles disseram:

“Foi uma surpresa para mim esse pódio. Não estava andando bem na pista durante toda a etapa. Na primeira prova fiquei preso nas confusões e na segunda não consegui atacar o Edson. Mas foi um resultado muito bom esse pódio.”
Rodrigo Baronio

“Meu melhor resultado até então, consegui duas boas baterias. Em um campeonato que estava sendo de muito baixos para mim, quem sabe esse seja o ponto de virada para a etapa final ser boa novamente.”
Edson Coelho

“Não tive um quali muito bom, tomei off-track em todas as voltas e larguei em terceiro. No desespero quebrei o carro na manobra contra o Borgert e não tive pace para chegar no Jeff.”
Luiz Felipe Tavares

“Mais uma vez um mix de alegria e frustração. Estávamos muito bem preparados para a etapa. A primeira bateria foi muito boa para quem assistiu, consegui uma boa posição após briga boa com o Tavares. A segunda foi para esquecer, agora é trabalhar para chegar bem em Monza.”
Eduardo Borgert

“Muito contente. O resultado é importantíssimo para o campeonato, até porque a etapa em Monza é uma incógnita. Deu tudo certo, o setup ficou muito bom mesmo. Estou feliz demais pela etapa e agora é treinar forte para Monza para fechar bem o campeonato.”
Jeff Giassi

Resultados

Corrida 1:

1. Jeff Giassi
2. Eduardo Borgert
3. Luis Felipe Tavares
4. Bruno Risseto
5. Rodrigo Baronio
6. Gustavo Ariel
7. Edson Coelho
8. Tamy Accioly
9. Bruno do Carmo
10. Matheus Machado

Corrida 2:*

1. Jeff Giassi
2. Gustavo Ariel
3. Edson Coelho
4. Rodrigo Baronio
5. Tamy Accioly
6. Bruno do Carmo
7. Erick Goldner
8. Bruno Risseto
9. Bruno Fernandes
10. Eduardo Borgert

Campeonato (top10):

1. Jeff Giassi – 282 pontos
2. Eduardo Borgert – 261
3. Gustavo Ariel – 250
4. Rodrigo Baronio – 224
5. Erick Goldner – 212
6. Luiz Felipe Tavares – 205
7. Márcio Campos – 193
8. Bruno Risseto – 176
9. Tamy Accioly – 130
10. Bruno do Carmo – 128